Como filho e neto de missionários, ouvi o evangelho desde o berço. Aos 5 anos, com minha mãe em seu escritório na igreja, eu estava pensando no cântico “toc - toc - toc, alguém me bate a porta, toc - toc - toc, alguém deseja entrar. É Jesus querendo a casa toda, sim Senhor, ó vem em mim morar”. Eu já havia entendido que era pecador e que Jesus tinha morrido numa cruz para me salvar, mas não me lembrava de ter recebido a Jesus como meu Salvador. Perguntei à minha mãe,  ela então orou comigo e dessa forma eu entreguei a minha vida a Cristo.


Por volta dos meus 10 anos de idade, eu senti claramente o chamado de Deus para o ministério. Aos 15, eu tinha certeza que Deus me queria ministrando através do rádio. Eu não tinha a menor idéia de como isso seria possível, mas meu pai me incentivou a fazer faculdade de comunicação e eu me formei em jornalismo. Logo que comecei a faculdade, eu e Luciana nos casamos. Os pais da Luciana se converteram quando ela tinha 3 anos de idade e eu 4. Sua família começou a frequentar a nossa igreja. Quando crianças vivíamos brigando, mas na adolescência nos tornamos melhores amigos e namoramos por quase 5 anos. Eu compartilhei com ela que Deus havia me chamado para o ministério, ela disse que iria comigo para onde quer que Deus nos chamasse, e assim ela faz desde 1992, quando nos casamos.


Deus nos deu duas filhas lindas, Amanda e Karen, que cresceram em meio ao ministério da BBN, gravando especiais para o rádio. Karen gravou Lucas 2 aos três anos de idade. As duas receberam a Cristo, Amanda com 4 anos de idade e a Karen aos 3 anos! A Karen sempre lembra que Deus usou a BBN para trazê-la a Cristo. Somos muito abençoados pelo privilégio de servirmos a Deus, através da BBN desde 1999. Tivemos o prazer de servir, como representante da emissora em Curitiba por dez anos, depois, mais cinco anos no Chat e Instituto Bíblico e desde agosto de 2014, eu como locutor e a Luciana continua servindo a Deus no ministério de Chat e Instituto Bíblico da BBN. Nosso desejo é servir a Cristo neste ministério até a Sua volta!


Deus nos abençoe!


Thomas Gilmer