Renovando Dia 22, Semana 4:

"A  Outra Vítima — a OM"



"A Outra Vítima — a OM"

Eu tenho certeza de que toda mulher sente a mesma coisa quando descobre que existe uma outra mulher, a quem muitas se referem como OM — aquela miserável que roubou os seus maridos!

Porém, embora você também possa ter se sentido assim inicialmente, quanto mais sabedoria, conhecimento e mais entendimento você começar a ganhar durante a sua Jornada da Restauração, e se tornar mais madura espiritualmente, menos você continuará a olhar para a OM como a inimiga.

Gálatas 6:1-3 (ACF)

“Irmãos, se algum homem chegar a ser surpreendido nalguma ofensa, vós, que sois espirituais, encaminhai o tal com espírito de mansidão; olhando por ti mesmo, para que não sejas também tentado. Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo. Porque, se alguém cuida ser alguma coisa, não sendo nada, engana-se a si mesmo.”


Gálatas 6:1-3 (A Mensagem)

"Viva gentilmente, amigos. Se alguém cair em pecado, perdoando restaure-o, guardando os seus comentários críticos para si mesmo. Você pode estar precisando de perdão, antes do fim do dia. Incline-se e vá ao encontro daqueles que são oprimidos. Compartilhe as suas cargas, e então complete a lei de Cristo. Se você pensa que é muito bom para isso, você está mal enganado. "


Obviamente, nenhuma de nós é inocente. Todas nós colocamos nossos casamentos e maridos em risco.


Se você ainda duvida disso, talvez você deva reler a lição RSC: 8° DIA Capítulo 6 "Mulher Contenciosa" até que você compreenda esse princípio.


Fomos nós quem derrubamos as nossas próprias casas e relacionamentos, agindo como o mundo ensina, e também por não termos uma relação profunda com o Senhor — porque isso é o que muda a forma como olhamos para as outras pessoas.


“Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos.”Provérbios 14:1. Então se você derrubou a sua casa, agora você está mais sábia e ao tratar a OM com gentileza (em seu coração e em sua mente — mesmo sem dizer uma palavra a ninguém), você poderá começar a reconstruir a sua casa e a sua vida como uma mulher sábia.


A Vítima Esquecida


Partindo desse ponto de vantagem, de não mais olhar para a OM como a pessoa má, eu gostaria de levá-la ainda mais alto para que você possa ver as coisas de uma forma diferente — e entender que ela também é uma vítima.


Quando eu soube que havia uma OM na vida do meu marido pela primeira vez, eu me senti da mesma forma que você, provavelmente, se sentiu — como se alguém tivesse me roubado. Mas, aos poucos, eu vim a entender os meus caminhos contenciosos e como eu havia derrubado os muros de proteção ao redor do meu casamento. Só mais tarde, quando eu me tornei mais espiritual e emocionalmente madura, e comecei a experimentar o amor do SENHOR por mim, quando foi que eu comecei a ver a situação precária e dolorosa dela como realmente era.


Na minha Jornada de Restauração pessoal, o boato que corria era sobre o quanto o meu marido se parecia com o ex-marido da OM. Depois eu fiquei sabendo da história comovente de como o marido dela a traía, com alguém do local onde ambos trabalhavam, alguém mais jovem e mais bonita — foi logo depois dessa experiência terrivelmente dolorosa, que ela voltou a sua atenção para o meu marido.

Você pode honestamente culpá-la?

Não, eu não posso. Eu não pude.

E a razão principal é porque ela não sabia nada sobre o Senhor! Então, como ela poderia ter lidado com a dor e rejeição de uma forma melhor do que eu sendo que eu JÁ conhecia o Senhor?

Não, não da forma que eu vim a conhecê-Lo depois, mas Ele já era meu Salvador quando tudo isso aconteceu.

Então, lá estava ela, magoada, coração sangrando, rejeitada, enquanto a OM na vida do marido dela se exibia na sua frente! Todos eles trabalhavam juntos, a OM, seu marido, (meu marido) e a OM do marido dela. Ugh! Para mim já bastava saber o que estava acontecendo, mas ter que vir isso todos os dias! Que coisa horrível!!

Lentamente, por eu ter escolhido olhar para a OM desta forma, e a esta altura o meu marido já estava tentando me atrair, (ou seja, ele mentia para ela quando ficava até mais tarde "dando boa noite para os nossos filhos", ou dizendo que estava indo para outro lugar quando ele na verdade estava comigo) foi que comecei realmente a me sentir MAL por ELA!

Não, eu não confrontei o meu marido dizendo que ele deveria parar de tratá-la dessa maneira (falar com meu marido sobre qualquer coisa estaria indo contra a verdade que eu conhecia sobre ficar quieta). E, claro, eu não orei tolamente para que ele permanecesse com ela, (viver em pecado não é bom para a alma), mas eu pedi ao Senhor para me ajudar a ver a OM do jeito que ELE a via, e Ele o fez.


Mais tarde veio o meu teste.


Muitas de vocês já leram isso em outros lugares, em um livro ou uma lição, foi quando meu marido veio me dizer que ele não poderia vir para casa como ele tinha prometido para mim e para as crianças. Eu ouvi quando ele me disse que o pai da OM havia adoecido de repente e que ele precisava ir com ela para vê-lo. Sem hesitar, eu disse algo como: "Vá! Ela precisa de você. Que coisa triste! E diga a ela que eu estou orando por ela, pelo seu pai e sua família." Foi quando meu marido parou e me disse: "Por quê? Como? Depois de tudo o que ela fez com você ?!"


Foi então que eu percebi que “ela” não tinha feito nada comigo, ela era uma vítima do mal. Ela estava sendo usada, abusada e enganada da mesma forma que eu fui, então como eu poderia pensar mal dela?


Meu ato de bondade não foi bem aceito pela OM. Mais tarde eu soube que ela me xingou, mas isso não importa e eu sei o porquê. Ou ela não estava pronta para ouvir aquilo ou foi dito de maneira errada pelo meu marido. Ele achou que eu fui uma santa, e se eu tivesse que adivinhar, ele provavelmente disse a ela como se sentia.


Mas isso realmente não importa, não é verdade? Não era problema meu, já que eu não estava me comunicando com ela diretamente. O que me leva a compartilhar mais um GRANDE GRANDE GRANDE motivo porque precisamos ser capazes de olhar e  de lidar com a OM de uma "forma gentil..."


Uma Questão de Vida ou Morte


Muitas de vocês podem ter ouvido ou lido algo sobre Hillary na África do Sul. Na situação dela, o marido apresentou a segunda OM para Hilary — esperando que elas fossem amigas.


Já que eu tinha pouca ou nenhuma experiência com uma situação destas, mas para ajudar Hillary a passar por este vale, eu ouvi e observeu e muitas vezes BD por ela. A coisa toda chegou a um ponto em que a situação ficou muito louca, porque eu fiquei sabendo que a OM estava falando com Hillary sobre se casar com o marido dela, o quão feliz eles seriam e ainda mandava mensagens de texto para Hilary várias vezes por dia! Mesmo durante os eventos esportivos que os filhos dela participavam a OM vinha e se sentava com ela e passava o tempo todo falando sobre o marido de Hilary e a relação maravilhosa deles.


É verdade que a graça Dele é para a pessoa que está passando pela situação, e não para quem está assistindo, porque eu não posso nem imaginar como deve ser difícil passar por uma coisa dessas. Mas a Hillary passou por isso e honestamente foi amiga da OM.


*Por favor, tenha em mente que foi o marido da Hillary que PEDIU a ela que fizesse isso, e também foi após ela ter BD em oração e jejum para ter esse espinho removido. (Leia 2 Coríntios 12:7-9 para entender sobre o que é pedir para ter um espinho removido.)


A única coisa que eu compartilhava com Hilary era sobre COMO ela conseguia ser tão gentil com a OM (já que a OM muitas vezes procurava por ela)? A razão disso, eu disse a Hillary, era porque essa era uma oportunidade perfeita para compartilhar sobre o relacionamento dela com o Senhor. E dizer a ela que "nenhum homem era perfeito e poderia suprir todas as suas necessidades", etc — então abrindo a porta para que ela viesse a conhecer o SENHOR pessoalmente.


Este tópico surgiu muitas vezes em emails, mas Hilary sempre se sentia inadequada para compartilhar o evangelho com ela. E todas as vezes (sei disso porque um dia eu verifiquei) eu disse a ela que o que ela aprendeu na igreja não foi o que eu vi, ou o que ela, viu realmente funcionar. Em vez de ameçar a OM com fogo e enxofre, ela deveria simplesmente contar a ela sobre seu Amado, seu Marido Celestial, que sempre estava ao seu lado. Eu lhe disse que toda vez que a OM a elogiasse pela sua bondade, Ele estava abrindo a porta para ela, e que ela precisava apenas entrar (usar essa oportunidade) e contar a ela sobre Aquele com quem ela, Hillary, mais se importava e que cuidava tanto dela.

Infelizmente, o medo de não saber a “escritura” exata ou “de compartilhar o evangelho” corretamente manteve Hillary quieta, até que um dia...

Eu fiquei sabendo que a OM foi assassinada.

Foi naquele momento que Hillary entrou em uma profunda e terrível depressão devido à morte dela, e não houve o que eu dissesse que a consolasse. Ela dizia que havia sido a culpada dessa mulher morrer sem ter conhecido o Senhor.


A Outra Vítima—os Bebês que são Concebidos


Uma de nossas Ministras,  Amalia na Polônia, teve que enfrentar não só a OM, mas também o fato de que o seu MT (marido terreno) teve uma bebê com a OM - a bebê foi o motivo pelo qual o seu MT deixou  Amalia e o seu próprio filho.


"Amando o Bebê do MT com a OM"



CONCLUSÃO

Eis aqui a questão, nós NÃO estamos pedindo para que você estenda a mão e seja amiga da OM.

*A não ser que seu marido comente sobre isso e peça para que você seja amiga dela.

**E caso você fique tentada, lembre-se de como eu achava que era a OM (na vida do meu marido) que precisava do Senhor e acabei lançando a isca (porque eu ainda era uma fariseia) e fui falar com ela, o que a levou a pagar o processo para que o meu marido se divorciasse de mim. Então, mais uma vez, não comece a ter nenhuma ideia de grandeza espiritual.

O que ESTAMOS pedindo para você fazer é continuar seguindo a sua Jornada de Restauração — encontrando aquele AMOR que transforma vidas e que irá permitir que você veja a OM como uma vítima. E se parece que você não está conseguindo encontrá-lo, peça a Ele para ver as coisas do ponto de vista da OM. E quando você enxergar as coisas da forma que ela enxerga, eu prometo que seu coração irá se partir por ela.


Finalmente, se você tem um testemunho de como você enfrentou essa dificuldade e em seguida superou esse obstáculo, POR FAVOR


ENVIE UM RELATÓRIO DE LOUVOR “Superando um Obstáculo” CLICANDO AQUI

Se você está tendo problemas para superar este obstáculo, confie em mim, é devido ao medo — medo de que, se você olhar para a OM com compaixão, isso significa que você acha que o que ela fez, ou está fazendo, é certo ou significa que você não se importa o suficiente com a sua própria restauração.

Nenhuma dessas duas opções é verdadeira. São mentiras. Jesus disse que a prova de que nós somos Dele, e que O estamos seguindo, e que certamente somos Suas noivas, é quando demonstramos amor (o que significa que sentimos amor pelos outros em nossos corações).

Nosso Marido nos amou tanto que Ele "deu a si mesmo por nós, para que Ele possa nos santificar, tendo-nos purificados pela lavagem de água pela palavra, para que Ele pudesse apresentar a Si mesmo a igreja [Sua noiva] em toda sua glória , sem mácula, nem ruga, nem coisa semelhante, mas que ela fosse santa e irrepreensível. "  

 

Banhe-se nessa verdadebathe in truth2.png

Para alcançar esta limpeza, aqui está o versículo que diz como o seu amor como cristã é provado através do seu amor pelos outros — em muitas traduções da Bíblia —de modo que você pode se banhar nesta verdade: 

"Com isso todos saberão que vocês são meus discípulos, se vocês se amarem uns aos outros”. (NVI-PT) - "Se tiverem amor uns pelos outros, todos saberão que vocês são meus discípulos." (NTLH). Tire um momento para abrir e ler cada uma das diferentes versões da Bíblia deste verso que é um fundamento tão importante:João 13:35

Se o Senhor te trouxe convicção a respeito dos seus maus sentimentos em relação a OM, certifique-se de derramar o seu coração para Ele no formulário “O que Eu Aprendi”. Discuta esta questão com o Senhor, enquanto escreve seus pensamentos e sentimentos. Confessar e orar mudará a sua vida para que você possa ajudar outras pessoas a conhecê-Lo.



"Lidando com a Raiva" — a raiz do problema


“Raiva— Transferir a Posse”

Por estar vivendo sozinha pela primeira vez em um país estrangeiro, muitas vezes eu tive  que contar com a ajuda de outras pessoas para traduzir para mim ou para me ajudar com coisas mínimas, como por exemplo pagar uma conta, etc. Mas o fato de estar sozinha também me impulsionou a pedir ajuda em outros assuntos sobre os quais eu deveria ter mantido silêncio e levado somente ao Senhor.

Eu me lembro de uma vez em que fiquei tão frustrada e senti tanta raiva dos meus sogros por eles ficarem me dizendo o que eu deveria comprar para a festa de aniversário do meu filho, e porque quando as coisas ficaram caras me mandaram me virar, etc. Eu não respondi nada em particular, mas clamei ao Senhor para que Ele tirasse aquela raiva porque eu vi que a frustração estava se espalhando e se transformando em fúria, e isso fazia parte da minha vida antiga que eu queria deixar para trás! Ele amorosamente me mostrou que, se eu buscasse somente a Ele e parasse de pedir ajuda aos outros, então eles não teriam abertura ou oportunidade de “passar dos seus limites” (pelo menos na minha cultura funciona assim). E isso impediria que eu me visse em situações como aquela.

Eu descobri que eu mesma me colocava nessa posição sem nem me dar conta! Eu pedi perdão a Ele e pedi que Ele me ajudasse a aprender a buscar somente a Ele, porque então eu não estaria metida naquela confusão! E Ele me mostrou mais além ainda, Ele me ensinou que a raiva tinha realmente a ver com posse. Se eu possuísse alguma coisa, então ela me pertencia, e eu tinha um interesse adquirido em como e onde essa coisa, ou essa pessoa, estava ou o que ela estava fazendo. Por exemplo, se fosse a minha casa, o meu marido, o meu carro, o meu emprego, então, quando a casa precisasse de consertos ou meu marido me deixasse ou o carro quebrasse ou eu perdesse meu emprego, minha reação natural seria ficar com raiva. Mas, se eu transferisse essa posse de tudo para o meu Marido Celestial, então seria a Sua casa que estaria desabando, o marido pertenceria a Ele - para que Ele lidasse com Ele como quisesse, o carro seria Dele para ser ou não consertado e o emprego seria Dele para ser mantido ou não. E então, de repente, eu me senti livre de preocupações! O oposto da raiva não é a apatia, é o se estar livre de preocupações! Agora, quando  começo a me irritar, eu me dou conta de que estou me esquecendo que aquilo não me pertence, que pertence a Ele. Quando acontece alguma coisa, eu sei que se eu perguntar a Ele primeiro ou Ele irá trazer alguém à minha mente, ou Ele mesmo me responderá, me deixando livro da prisão que é a opinião das outras pessoas e evitando que eu acabe com raiva. Eu agora posso viver livre de preocupações!

~ Camila no México

“Encorajando a OM”

Eu tenho pedido a Deus que me dê uma oportunidade de usar a minha dor e sofrimento para a Sua glória e para ministrar para outras mulheres feridas, para dar a elas a Sua esperança e compartilhar o Seu amor. Mas eu jamais esperei que uma delas seria a OM.

Meu casamento, que já estava por um triz, desabou quando um homem ligou (isso há dois anos atrás) e se identificou como o marido de uma mulher com quem o meu MT estava envolvido de maneira inapropriada. Isso fez com que eu o confrontasse (o que agora eu sei que não foi a coisa certa a fazer) e o resultado disso foi que o meu MT saiu de casa dizendo que não queria mais continuar casado.

Passados dois anos, essa mulher me enviou uma mensagem me pedindo para encontrá-la porque ela queria se desculpar. Eu orei sobre isso e disse a ela que eu não via nenhuma necessidade de nos encontrarmos pessoalmente, mas que eu já a havia perdoado. A resposta dela veio tão cheia de remorso e culpa que foi como um deja vu, me fez lembrar de toda a culpa e da vergonha que eu senti durante anos depois que eu mesma caí em adultério. Eu sabia que Deus havia me perdoado, mas ainda assim eu me sentia como o filho pródigo, eu sentia que eu merecia ser apenas uma escrava ou uma serva no meu relacionamento com Deus e no meu casamento. Deus me amou o suficiente para me tirar do chiqueiro em que eu estava escolhendo viver para que eu finalmente me voltasse e me apegasse a Ele somente, e abrisse mão do orgulho que, paradoxalmente, estava me prendendo em uma posição em que eu não conseguia me perdoar. Eu fui guiada a compartilhar com ela Romanos 8:1-2 e a encorajei lhe dizendo que Deus a estava perseguindo e que Ele desejava ter o coração dela, e também falei com ela sobre este ministério.

Relendo o que escrevi, eu sei que não fui eu, mas que Ele falou através de mim e me deu o Seu amor para que eu o compartilhasse com ela. Eu acabei oferecendo de dar a ela uma cópia do livro Como Deus Pode e Vai Restaurar Seu Casamento e nós concordamos de nos encontrar pessoalmente para que eu pudesse entregá-lo a ela. Eu posso dizer honestamente que não senti, e ainda não sinto, nada que não seja o amor de Deus e compaixão por ela. Só Deus para fazer isso!

Eu pude ouvi-la e encorajá-la a respeito dos problemas que ela está enfrentando em seu próprio casamento e compartilhei o que eu tenho aprendido através deste ministério sobre o amor de Deus por cada um de nós. Sobre o Seu amor eterno, inabalável e terno e sobre como Ele deseja nos tornar Suas noivas. Falei sobre estarmos  completamente dependentes e focadas Nele a um ponto em que Ele passa a ser tudo que queremos, tudo que precisamos e a razão das nossas vidas. Ela me perguntou como eu conseguia ter tanta paz em meio a essa situação complicada e agora eu vejo isso nela também.

Meu doce e amado Senhor, eu Te agradeço pela restauração; por me restaurar para Ti (de novo e de novo) e por afastar o peso da minha vergonha e da minha culpa, pela restauração entre cristãos, e por trazer essa preciosa noiva para Ti também. Obrigada por me permitir fazer parte da Sua obra que torna novas todas as coisas. Que privilégio e que benção!

"Agora já não existe nenhuma condenação para as pessoas que estão unidas com Cristo Jesus. Pois a lei do Espírito de Deus, que nos trouxe vida por estarmos unidos com Cristo Jesus, livrou você da lei do pecado e da morte. " (Romanos 8:1-2)

Eu costumava acreditar na mentira de Satanás de que eu já havia errado demais para ainda ser realmente amada. Quando Deus olha para mim, Ele não vê meus pecados e erros, Ele vê a retidão do Seu Filho perfeito e amado. Isso significa que Ele me ama, me quer, que Ele se importa comigo, que Ele me adora! E é assim com todos nós. Somente quando conseguimos verdadeiramente sentir o Seu amor é que podemos dá-lo às outras pessoas e ajudá-las a encontrar este amor maravilhoso por si mesmas.

~  Luana na Carolina do Sul





“...E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará.” João 8:32


Agora é hora de CLICAR AQUI  e derramar o seu coração para o Senhor ao preencher o seu formulário “O que Eu Aprendi”.





Você Está Realmente Pronta 

para o seu Milagre?

Eu estou certa de que você está ansiosa para enviar o seu Testemunho de Casamento RESTAURADO...

Mas a questão é — você está realmente pronta???

Algumas mulheres ficam tão chocadas e surpresas porque, logo depois que é pedido que elas voltem para casa, ou quando os seus maridos voltam para casa, parece que o seus casamentos não foram restaurados. A maioria dos maridos não volta para casa implorando por perdão, mas voltam com o inimigo quente em seus calcanhares. Lembre-se de quanta influência o inimigo teve sobre seu marido quando ele decidiu te deixar (ou pediu para você sair de casa). Quando o Senhor inclinar o coração dele de volta para você, ou causar uma crise que faça com que ele retorne para casa (ou peça para você retornar), ele ainda não terá tido tempo suficiente para mudar.

Leia o email que recebemos de uma mulher que nós soubemos que havia sido restaurada, e que ainda assim falhou em enviar o seu Testemunho de Casamento RESTAURADO, depois de termos pedido a ela que o enviasse. 

“Muito obrigada por essa maravilhosa resposta sobre o meu Relatório de Louvor. Me perdoe por perguntar, mas se o meu marido ainda não está demonstrando o desejo de trabalhar no nosso casamento (ele está em casa faz um mês, mas nós ainda não tivemos aquela ‘conversa’), ele simplesmente decidiu voltar para casa e aparentemente está ainda ‘se adaptando’, parece que ele ainda está preso ao “mundo lá fora” (eu ainda sinto uma luta interior dentro dele entre quer viver a vida mundana lá fora e o desejo de estar em casa com a sua família), ele ainda parece um pouco perdido sobre o que ele quer fazer com a sua vida... isso ainda pode ser considerado um casamento RESTAURADO? Eu gostaria de esclarecer essa dúvida antes de enviar o meu Testemunho de Casamento Restaurado.”

A resposta que demos a essa mulher foi "Sim". Como dissemos, a maioria dos homens volta de uma maneira que não se parece em nada com aquele casamento restaurado que você sonhou. O marido da Erin voltou para casa, como ele disse, “apenas por causa das crianças” e não foi nada gentil a princípio, pois ele ainda estava lidando com o inimigo. Mas, conforme ela continuou a amar o não amável, o que significa ser paciente e não colocar nenhuma expectativa em seu marido, e sim, colocar todo o seu foco Naquele em quem você se concentrou antes do seu marido retornar — no Senhor, seu Marido Celestial — não muito tempo depois, as coisas mudaram completamente.

Nós não temos a menor ideia de onde você está lendo que os homens voltam arrependidos porque isso não é dito em nossos TCR. Depois que seu marido voltar é que você será mais TESTADA e precisará aplicar os mesmos princípios que você aprendeu e é por isso que eles estão te sendo ensinados agora.


Você tem perguntado ao Senhor, que é Aquele que precisa continuar sendo o seu Marido, o que fazer a cada momento todos os dias? Somente Ele pode te ajudar.

Isso significa que você estará falhando em louvar o que Ele fez (trazer o seu marido de volta), e em vez disso está focando no que Ele não fez (o fato do seu marido não desejar trabalhar no seu casamento), e isso é algo que nenhuma de vocês deva fazer. Nós nunca pedimos te pedimos a você que fizesse isso, e nenhum marido deve “trabalhar” no seu casamento, então você só pode estar visitando outros sites ou lendo outros materiais que servem para consertar casamentos temporariamente. E isso significa também que você deve estar transferindo seu foco do seu Marido Celestial para o seu marido terreno.

Ao enviar o seu Testemunho de Casamento Restaurado você receberá mais explicações a esse respeito. Após enviá-lo, você será encaminhada para a seção “Restauração: E Agora??” Mas, antes de você enviá-lo, certifique-se de passar um tempo com o Senhor, e mostre a Ele a sua gratidão pelo que Ele TEM feito para ajudá-la a manter o seu coração correto e firme  NELE. Assim, quando você nos enviar o seu testemunho, você estará olhando através dos olhos de uma mulher cheia de gratidão a Ele!!

PREPARE-SE PARA O SEU MILAGRE — AGORA!

Após receber este email, e vermos outras mulheres que foram restauradas, mas que falharam ao não enviar os seus Testemunhos de Casamento RESTAURADO, nós começamos a BD por sabedoria — e finalmente entendemos que nós não deveríamos ESPERAR para preparar as mulheres para a restauração — mas que deveríamos ajudá-las a entender o que acontece e qual será a sensação.

A verdade é que nós PREPARAMOS você SIM. O problema é que você não percebe que as dificuldades que acontecem durante a sua Jornada da Restauração têm justamente o propósito de prepará-la para outras ainda maiores que virão depois da restauração do seu casamento.

Mas então as dificuldades vão continuar?!??!

Não SE você não voltar atrás no que aprendeu, e não tentar manter o seu casamento restaurado, mas se lembrar de que foi DEUS quem restaurou, não você. Porque se você começar a agir e reagir às provações e à vida de casada da mesma forma que costumava fazer antes, então não somente as dificuldades irão continuar, mas freqüentemente, o seu marido poderá ser  facilmente afastado novamente.

Apocalipse 2:4— “Mas eu tenho isso contra você, que você deixou [novamente] o seu primeiro Amor.”

“Tiraste de mim os meus amigos e os meus companheiros; as trevas são a minha única companhia.” —Salmos 88:18

“Afastaste de mim os meus melhores amigos e me tornaste repugnante para eles. Estou como um preso que não pode fugir” —Salmos 88:8

“Ela correrá atrás dos seus amantes, mas não os alcançará; procurará por eles, mas não os encontrará. Então ela dirá: ‘Voltarei para o meu marido como no início, pois eu estava bem melhor do que agora’.” —Oséias 2:7

Entretanto, com alguns homens é esperado mesmo que eles fiquem em casa apenas por um curto período de tempo. Você se lembra de como o marido da Erin voltou para casa por um pequeno período antes do seu casamento ser completamente restaurado, mas foi embora novamente? Algumas vezes, a sua “restauração”  temporária é simplesmente o Senhor dando a você um tempo de profundo descanso emocional e espiritual, pois você está prestes a passar pela fase final da restauração.

Como você pode saber?

Bem, Erin disse que ela podia sentir que ainda não havia terminado. Ela queria que terminasse, mas algo dentro dela dizia que não tinha acabado ainda. Ela disse que é como quando se está grávida, talvez até já esteja passando da hora de dar a luz, e você espera ou sente que já está na hora, mas quando o momento CHEGA— você sabe!

E também, quando a restauração acontece, é DIFÍCIL. Quando o marido de Erin voltou para casa, o que deu a ela um descanso temporário, foi muito agradável. Mas, de repente, sem aviso prévio, ele foi embora novamente.

Se você quer LER MAIS sobre a restauração temporária de Erin, que Deus usou para o bem, pois isso fez com que ela encontrasse a sua primeira eParceira, CLIQUE AQUI e leia Uma Amiga Chamada Sue”.

Nós sempre dizemos para as nossas mulheres recém restauradas que o mais importante é NÃO entrar em pânico e que elas NÃO devem tentar resolver a situação. Não importa em que ponto da sua JR você esteja, se já foi restaurada ou ainda não, o remédio é sempre focar no Senhor e se aproximar Dele.


Retrocedendo após a Restauração

Uma queda comum na restauração de casais é que muitas mulheres que vivenciam um casamento restaurado percebem que elas estão regredindo e voltando ao seu velho jeito de ser, e isso coloca a restauração em perigo.

Outro perigo é você passar para o outro lado da trincheira e não dar espaço para o seu marido se tornar o líder espiritual, pois você fica tentando cuidar de tudo. Essa é a trincheira que Erin confessa que caiu.

Ambas as trincheiras resultam em lutas, e frequentemente, o marido acaba indo embora novamente.

Retorno Duro e Difícil

Então, vamos deixar isso bem claro — a grande maioria dos homens que retornam para casa (ou quando eles pedem que suas esposas voltem para casa), NÃO se comportam como naquele conto de fadas que você sonhou. Ao contrário, tudo começa de uma forma muito dura e difícil, e isso frequentemente faz com que a mulher sinta ou que ela ainda  não está “realmente” restaurada OU ela passa a ter vontade de gritar e pedir a Deus para desfazer o que Ele fez — Erin disse que se sentiu  tentada a fazer  isso logo que seu marido voltou para casa.

Sim, muitas mulheres restauradas se sentem assim após o retorno dos seus maridos, mas confie em nós, as provações durarão pouco, se você se recusar a ceder às tentações que o inimigo com certeza irá jogar em cima de você!

Felizmente, para Erin, ela conta que teve uma maravilhosa mulher mais velha, Melanie, sobre quem a maioria de vocês já leu durante suas lições. Erin lembra que ligou para Melanie tranquilamente, e apenas pediu para que ela orasse com ela. Quando ela explicou o que estava acontecendo, superficialmente, Melanie entendeu (lembre-se de que ela havia sido restaurada antes de Erin). Melanie disse, “Lembre-se, o diabo não deixará o seu homem em paz! Pelo contrário, ele vai atormentá-lo ainda mais para que ele retorne para a OM. Então, apegue-se ao Senhor, Erin, e saiba que Ele irá terminar o que Ele começou.” Essas foram palavras sábias e que AGORA estamos passando amorosamente para você — e te lembraremos  disso quando você enviar o seu testemunho de casamento restaurado!

O que o Senhor mostrou a Erin, depois, quando ela recentemente pediu a Ele que lhe ensinasse como encorajar cada uma das mulheres que foram restauradas recentemente, e também para encorajá-la agora, antes do seu casamento ser restaurado, foi que ela deveria comparar a restauração com a gravidez e o nascimento — assunto esse que Erin conhece muito bem ;)

Pense que encontrar o RMI foi como encontrar um famoso especialista em fertilidade que te disse o oposto de tudo o que todo mundo estava te dizendo, inclusive outros especialistas — que você NUNCA teria um bebê. Então, você encontra esse médico (no seu caso o RMI) que diz a você que “Nada é impossível para Deus.” Então, eis que para a sua surpresa, você descobre que está grávida de esperança.

Ainda assim você está assustada com o que as pessoas estão te falando, outras mulheres que perderam seus bebês ou abortaram, e o medo toma conta de você ao ponto de o médico ter que te dizer que você não pode mais continuar com esse estresse ou acabará perdendo bebê, o seu milagre. Por isso ele ordena que você fique em completo repouso, “Ele me faz deitar em verdes pastos” e sem visitas. E, enquanto você está de cama, ele diz para você ler e aprender sobre a chegada do seu novo bebê. (Da mesma forma que o RMI diz para você sair do Facebook e passar tempo descansando Nele e aprendendo a lidar com as provações da maneira certa.)

Mas aí você descobre que o seu milagre está terrivelmente atrasado, e os céticos dizem que não há esperança, mas, se você não desistir e nem abortar, você logo sentirá que o trabalho de parto começou, e que as horas mais difíceis da sua gravidez e trabalho de parto passam devagar, mas que com certeza, você dará À LUZ o seu milagre!

Aí é quando começa o verdadeiro trabalho e as provações chegam!!

Você volta para casa com um recém nascido chorão e cheio de cólicas, e tem certeza de que era melhor quando você estava grávida, pois você podia dormir e ter tempo em paz sozinha. Mas, se você der tempo e tiver paciência e amor suficiente com o seu milagre — rapidamente você será capaz de estabelecer a mesma rotina que tinha antes — aquela que fez com que você engravidasse do seu milagre, aqueles mesmos princípios que também fizeram com que a sua gravidez se tornasse realidade. Esses são os mesmos princípios que irão ajudá-la a passar pelos momentos temporariamente difíceis.

A próxima fase da restauração é quando tudo de repente se acalma. E se você não tiver estragado tudo (voltando a ser como você era antes) durante os momentos difíceis, essa é a fase em que o seu marido estará pronto para aceitar as mudanças necessárias que precisam acontecer com ele, completando a sua restauração e chegando  àquele ponto em que vocês dois alcançam o mesmo jugo.

Para Erin isso aconteceu quando, como casal, ela e seu marido foram a um seminário juntos. Você deve se lembrar de ter lido sobre isso no Curso Renovando, na lição “Assegurando Seu Sucesso”. Ela disse,

“Duas semanas após meu marido ter retornado para casa, eu vi que haveria um seminário cristão para o qual eu havia me inscrito, mas decidi não ir. Mas, para a minha surpresa, o meu marido disse que queria ir comigo!! E eu nem havia pedido para ele ir!

Quando fui fazer a inscrição dele eu descobri que esse seria o seminário ‘avançado’, o que significava que ele não poderia participar. Mas para Deus nada é impossível! Alguns dias depois eles ligaram para dizer que o escritório central havia decidido fazer um teste em nossa cidade e ver se seria mesmo necessário que as pessoas sempre participassem primeiro do Seminário 1 antes do 2. E isso significava que meu marido poderia ir E ainda por cima DE GRAÇA!!

E não parou por aí! Assim que eu entrei, já que era o seminário avançado, eu vi pelo menos meia dúzia de pastores a quem eu havia pedido ajuda para a crise no meu casamento. Todos os que me disseram que seria impossível. TODOS eles me reconheceram e ficaram de boca aberta quando viram no braço de quem eu estava segurando — meu marido rebelde que eles disseram que NUNCA voltaria para casa!!

O melhor de todos foi o pastor que disse que Deus estava honrando o relacionamento imoral que meu marido tinha com a OM. Ele era só sorrisos ao se aproximar de nós porque ele achou que eu tinha aceitado o seu conselho e encontrado alguém novo! Isso não é engraçado?!?! E assim que eu disse, “Oh, você se lembra de quando eu falei do meu marido, deixe-me apresentá-lo!” o pastor apertou a mão do meu marido e sacudiu fortemente! E durante o resto do seminário ele não conseguia tirar os olhos de nós. Antes de irmos embora, ele nos convidou para ir à sua igreja várias vezes durante os intervalos.

Eu espero que isso encoraje você a PERMANECER QUIETA e deixar Deus fazer o Seu trabalho em você, em seu marido e em seu casamento. E o mais importante, que você persiga Deus e nunca olhe para trás! Que você corra tão rápido que o seu marido tenha que superá-la espiritualmente. E mesmo assim, se você continuar a ser Sua noiva, você nunca se tornará menos encantadora do que antes, pois o seu coração pertencerá a Outro!

E, uma vez que Ele tenha passado tempo suficiente sozinho com você, e a tenha aperfeiçoado e amado intensamente, você não precisará fazer nenhuma propaganda! Ele irá orquestrar tudo para a SUA glória!

Foi nesse seminário que o Senhor deu a Erin muitos desejos do seu coração, quando foi ensinado sobre como se livrar de dívidas, e também sobre confiar a Deus a sua fertilidade. Antes disso, o marido de Erin estava inflexível quanto à questão de “não ter mais filhos!”. Mas, devido ao que ele aprendeu no seminário, Erin engravidou alguns meses depois de sua filha Tara, que hoje trabalha para o RMI como designer dos websites.

Você saberá quando o seu marido estiver pronto, de uma maneira maravilhosa, da mesma forma que as mães sabem quando as crianças estão prontas para usarem o peniquinho ou prontas para aprenderem a ler. Mas, nós iremos lembrá-la disso depois que você estiver restaurada, que você não deve confiar em seus instintos, pois é claro, o seu marido NÃO é um de seus filhos, e ainda mais importante, você tem um Marido Celestial que irá avisá-la a esse respeito.E quando chegar a hora, você estará pronta. Por favor, leia sobre essa oferta que oferecemos às mulheres que foram mulheres recentemente RESTAURADAS!

*Abaixo está um quadro mostrando o que as mulheres que enviam um Testemunho de Casamento Restaurado recebem (isso ocorre apenas no Ministério em Inglês):

 

Da mesma forma que seria desastroso não treinar o seu filho a usar o peniquinho quando é chegada a hora (pois ele/ela acabará usando fraldas desnecessariamente por mais um ano ou até mais!), o mesmo acontece quando você falha em compartilhar o seu envolvimento com esse ministério e sobre os livros GRATUITOS que irão ajudar vocês a viverem felizes juntos. Porém, se você tocar nesse assunto com seu marido muito cedo, será o mesmo que tentar treinar uma criança de um ano de idade: irá levar muito mais tempo e será preciso muito mais esforço que você não deveria ter que empregar.

Saiba que — quando o seu casamento estiver RESTAURADO, quando o seu marido voltar para casa (ou pedir para você voltar) — mesmo que ele possa estar com raiva ou depressivo, ou tendo qualquer outra série de reações porque o inimigo estará  esquentando a fornalha — o plano do Senhor é completar o que Ele começou. Então, obviamente, essa é a hora de passar MAIS tempo com o seu Marido Celestial, e não menos — o que é outra dificuldade que somente Ele pode resolver. Esperamos que este RL recente possa ajudá-la!


Desde que fui restaurada e voltei a trabalhar, eu não tenho tido tempo para ficar com meu Marido Celestial da mesma forma que eu tinha antes, e tenho sentido muita falta desse tempo. Agora eu acordo mais cedo e passo tempo com Ele, pois eu preciso disso todos os dias.

Ir para o trabalho já é uma luta por si só, mas Deus usou para o bem, respondendo às minhas orações em que pedi para passar mais tempo com Ele! Onde eu moro, o engarrafamento é no mínimo assustador. Onde eu trabalho, a entrada principal está em reforma, então todas as centenas de pessoas que trabalham lá estão saindo por UMA única entrada. Enquanto espero, eu agora tenho tempo de falar com o Senhor, ouvir música ou apenas me sentar silenciosamente com Ele. No início, eu confesso que eu fiquei irritada porque levo no mínimo meia hora para sair do estacionamento — mas agora eu entendo que Ele estava me proporcionando tempo com Ele e sou grata por isso! Eu estou tão agradecida por Ele ter me mostrado uma forma de passar mais tempo com Ele — me mostrando que a provação é apenas Ele me dando mais tempo e mais Dele.



Bonita na Geórgia RESTAURADA



Da mesma forma que você BD para saber quando e como passar o seu tempo (ou sobre qualquer coisa) antes de seu casamento ser restaurado, agora é hora de pedir a Ele para criar esses momentos agora! Da mesma forma que a mãe de um recém nascido precisa de tempo para descansar, se recuperar e se sentir rejuvenescida, uma mulher recentemente restaurada também precisa. Então BD, confie em Deus e preste atenção nessas oportunidades únicas que o Senhor revelou a Bonita :)

Lembre-se, foi Deus quem restaurou o seu casamento, pois você começou a amar o Seu Filho como seu Marido. Pare um momento para ler o que Sonnette compartilhou em seu maravilhoso testemunho, falando sobre como as provações começaram a acontecer, e como ela então se voltou para o Senhor.

RELATÓRIO DE LOUVOR “Era melhor para mim antes do que agora”


Já se passou um mês desde que vivenciei a restauração do meu casamento e estou muito feliz, meu marido e eu estamos tão apaixonados. O que estou experimentando é tudo, e mais ainda, o que o meu coração desejou para um casamento restaurado. Mas mesmo com toda essa felicidade, eu sinto que algo tem me faltado e eu sei muito bem o que é .... o meu Primeiro Marido. Meu coração, mente e espírito (na correria do trabalho, minha casa, meu marido, minha filha, lavar, cozinhar e arrumar) almeja, suspira pelo meu Marido e nós dois queremos de volta o que tínhamos juntos: o meu tempo a sós com Ele, falando com Ele, ouvindo-O falar comigo. Uma vez que você conhece este Marido maravilhoso você não pode mais voltar atrás.

Quando você buscá-Lo, Ele vai te mostrar como Ele me mostrou. Enquanto eu lia o "E agora?", que me foi enviado pelo Ministério Restaurar depois que enviei o meu testemunho de casamento restaurado, foi exatamente isso que o Senhor me mostrou e é tão engraçado (risos), porque antes de eu vir para o RMI eu costumava orar este mesmo versículo desesperadamente, fervorosamente, para o meu, na época, marido distante que vivia com a OM !!

Oséias 2:7 "Ela (eu colocava ela ou o meu marido) correrá atrás dos seus amantes, mas não os alcançará; procurará por eles, mas não os encontrará. Então ela dirá: Voltarei para o meu marido como no início, pois eu estava bem melhor antes do que agora".

Naquela época, eu costumava orar desesperadamente pelo meu marido, orando para que quando ele corresse atrás de suas amantes não conseguisse encontrá-las, que ele olharia para elas e não as encontraria. MAS AGORA EU SEI, estas escrituras eram para mim, sim para mim!! O que me impressionou foram as palavras dos verssículos acima, "Eu vou voltar para o meu marido, pois eu estava bem melhor antes do que agora"!

Durante o tempo em que estive divorciada, olhando para trás, eu vejo que "era melhor para mim antes do que agora", meu relacionamento com meu Marido era maravilhoso, eu vivia para Ele, eu passava tanto tempo com Ele. Eu O amava e Ele me amava; foi um tempo tão especial, foi glorioso, maravilhoso, foi incrível :) :) Eu amei esse tempo!!!! Senhoras, eu quero encorajá-las a desfrutar esse tempo com o seu Marido (enquanto durar), porque antes que vocês se deem conta, se vocês se apaixonarem por seu Marido Celestial, e deixarem ir o seu marido terreno, vocês serão restauradas e ansiaram pelo tempo que tinham só para Ele. Eu louvo a Deus por me mostrar como antes era melhor para mim do que agora, porque a minha atenção e foco era Ele e em como Ele me ensinou através do RMI a como colocá-Lo em primeiro lugar. " Tenho, porém, contra ti que abandonaste o teu primeiro amor." Apocalipse 2:4.

Deus é tão incrível, Ele está tão em sintonia com a sua oração que Ele te mostra coisas grandiosas e insondáveis.

Jeremias 33:3, "Clama a mim, e responderte-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes."

Então eu estou feliz de poder correr para e me jogar nos braços do meu Marido porque o Seu amor é maravilhoso!!!

~Sonnete na África do Sul

PERMANECENDO FIEL A ELE

Você pode se tornar espiritualmente infiel novamente após o seu casamento ser restaurado, e pode ser que você comece a procurar outras pessoas para te ajudar ou mesmo começar a tentar ser tudo para o seu marido, e então Ele não terá outro recurso a não ser remover o seu amado e amigo mais uma vez.

Apocalipse 2:4— “Mas eu tenho isso contra você, que você deixou [novamente] o seu primeiro Amor.”

Tiraste de mim os meus amigos e os meus companheiros; as trevas são a minha única companhia.” Salmos 88:18

Afastaste de mim os meus melhores amigos e me tornaste repugnante para eles. Estou como um preso que não pode fugir” —Salmos 88:8

Ela correrá atrás dos seus amantes, mas não os alcançará; procurará por eles, mas não os encontrará. Então ela dirá: ‘Voltarei para o meu marido como no início, pois eu estava bem melhor do que agora’.” —Oséias 2:7

Como ribeiros de águas assim é o coração do rei na mão do SENHOR, que o inclina a todo o seu querer.” —Provérbios 21:1

Contanto que você mantenha o Senhor como o primeiro em seu coração, como realmente o PRIMEIRO em sua vida, você ENTÃO verá o Senhor inclinar o coração do seu marido de volta, não apenas para você, mas o mais importante, de volta para Ele. :)

E mais, depois que o Senhor tiver te testado, e visto que Ele realmente é o PRIMEIRO em sua vida, só ENTÃO é que você verá o Senhor começar a curar e/ou lidar com o seu marido. Você não pode mudá-lo, ele não pode mudar a si próprio, então não fique esperando que ele mude ou “trabalhe” em coisa alguma! Deus precisará transformar o seu marido da mesma forma que Ele fez com você.

Nós encorajamos nossas mulheres recém-restauradas a permitirem que o Senhor comece a trabalhar na vida de seus maridos, para que eles estejam em jugo igual, da seguinte forma:

1. Continue a focar em seu relacionamento com o Senhor, não em seu casamento RESTAURADO ou em seu marido (o que ele faz ou deixa de fazer).

2. Continue a LER os nossos emails DIÁRIOS e continue a enviar Relatórios de Louvor, mesmo que você não sinta vontade de louvá-Lo. Lembre-se, quando nós louvamos o inimigo se afasta!

3. Continue fazendo os Cursos e saiba que foi DEUS quem Restaurou o seu Casamento, não foi você quem fez isso.

4. E além disso, comece a dar lugar para que o seu marido ouça Deus falando, enquanto você foca em se tornar um Ministra de Casamento — porque foi para isso que Ele restaurou o seu casamento — para ajudar outras pessoas!!

5. CONTINUE a dizimar em sua casa do tesouro.


ROUBADA

Malaquias 3:8–10—

"Pode um homem roubar de Deus? Contudo vocês estão me roubando. E ainda perguntam: ‘Como é que te roubamos? ’Nos dízimos e nas ofertas.’ Vocês estão debaixo de grande maldição porque estão me roubando; a nação toda está me roubando.!”

Malaquias 3:10-12—

"Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja alimento [espiritual], em minha casa, e fazei prova de mim nisto," diz o SENHOR dos Exércitos, "e vejam se não vou abrir as comportas dos céus e derramar sobre vocês tantas bênçãos que nem terão onde guardá-las. Então eu vou repreender o devorador para você, impedirei que pragas devorem suas colheitas, e as videiras nos campos não perderão o seu fruto", diz o SENHOR dos Exércitos. "Então todas as nações os chamarão felizes, porque a terra de vocês será maravilhosa", diz o SENHOR dos Exércitos.”

Uma outra maneira através da qual o inimigo está ávido para roubar a sua restauração é quando você falha na entrega do dízimo para a sua casa do tesouro. Isso pode se tornar um desafio, caso o seu marido volte e passe a tomar conta das finanças.

Quando o marido de Erin voltou para casa, ele passou a cuidar das finanças, e ela precisou buscar a Deus para saber como ela poderia continuar dizimando. Maravilhosamente, como ela diz, o Senhor fez com que ela se inscrevesse em um Seminário antes do seu marido voltar. E ao invés de sair do caminho estreito que a conduziu para a restauração, e cair na cova de se tornar uma esposa super submissa, também conhecida como capacho, Erin explicou a sua necessidade de ir ao seminário (para continuar sendo a esposa e mãe que ele e seus filhos mereciam, e para que a “velha Erin” não voltasse). Para sua total surpresa, não apenas o marido de Erin disse que ela poderia ir , MAS também ele perguntou se ele poderia ir junto!!

Mas, como dissemos anteriormente, por esse ser o seminário “avançado”, foi dito a Erin que não seria possível a participação de seu marido, mas depois entraram em contato com ela e disseram que seria feito uma tentativa justamente nessa cidade para ver se realmente era necessário fazer primeiro o Seminário Nível Básico E por essa ser uma “tentativa”, o  marido dela poderia ir de graça!! Todas nós sabemos que foi Deus, que não somente deu a Erin os desejos de seu coração de ir ao seminário, mas porque Erin dizimou fielmente — o devorador foi repreendido.

No Seminário Nível Avançado, o marido de Erin aprendeu a dizimar em sua casa do tesouro e também a confiar a Deus a sua fertilidade — o que resultou não somente em sua filha Tara, mas também nos 3 bebês da restauração que Erin teve! Essa data também ficou marcada como a primeira vez em que eles dizimaram como um casal, começando em março de 1991 (o fim de semana do seminário foi quando o marido dela dizimou pela primeira vez, dizimando para o seminário onde eles estavam participando, já que ele não frequentava nenhuma igreja ainda).

Eles continuaram dizimando como casal e como família, até que o pastor administrador da igreja que eles fequentavam, em 2005, informou que o ministério não deveria dizimar. Isso será compartilhado no Curso 5, na lição "O Dízimo Completo para sua Casa do Tesouro".

Mais TESTEMUNHOS

Ana, restaurada desde 2003, dá o dízimo da renda dos negócios do seu marido, nós deduzimos, pois ela paga todas as contas da família e dos negócios. No entanto, nós podemos dizer que ela traz o dízimo todo, e como resultado, eles não estão apenas alegremente restaurados, mas o Ministério em Espanhol de Ana é frutífero!!

Já outra mulher, Cathy, acabou escolhendo o Plano B para a restauração do seu casamento e, na verdade, não esperou pela sua restauração; infelizmente, ela se casou com outra pessoa. Entretanto, ela continuou dizimando para o RMI durante anos. Mais tarde, ela confessou que estava completamente infeliz (por não ter esperado pela volta do seu marido). Então, uma crise atingiu a sua família e nós nos sentimos guiados a sugerir que ela desse ao seu marido o livro Um Homem Sábio. Ela fez isso e ele devorou o livro, e mais tarde, ele não apenas se tornou o seu líder espiritual, mas também um líder espiritual para o genro dela, cuja esposa (filha de Cathy) o tinha deixado. Juntos, os homens começaram a estudar o livro e ambos começaram a dizimar ao RMI, pois eles disseram que essa era a sua casa do tesouro. O filho dela conseguiu seu emprego de volta e nós estamos na expectativa de ver esse casamento ser restaurado também. Em relação a Cathy, ela escreveu recentemente para dizer o quão maravilhosamente bem eles estão financeiramente, e pela primeira vez, eles compraram uma linda casa!

Então como você pode previnir que o devorador roube a sua restauração e o seu ministério de Encorajar outras mullheres com o seu Testemunho, uma vez que seu casamento esteja restaurado?

Primeiramente APRENDENDO e aplicando todos os princípios que você tem aprendido em suas lições AGORA.

E TAMBÉM, compreendendo que, assim como acontece com o nascimento de uma criança, os milagres são emocionantes, mas em seguida se tornam muito difíceis — especialmente quando você não está preparada para eles!



EU NÃO QUERO Mais que o Meu Casamento Seja Restaurado!

Em nossa lições, nós temos te encorajado a deixar ir o seu MT “marido terreno” e a voltar o seu coração para o seu MC “Marido Celestial”, que deseja suprir todas as suas necessidades de amor e proteção — para que você seja curada, fazendo com que você se torne menos carente e, portanto, menos vulnerável a ser ferida por outros.

Frequentemente, é no momento em que você realmente não quer mais a restauração que Deus restaura o seu casamento. Nós vemos isso acontecer inúmeras vezes nos “Testemunhos de Casamento Restaurado”.

Mas para que você não queira mais que o seu casamento seja restaurado é preciso que seja pelos motivos CERTOS. É preciso ter o coração correto. E que coração é esse?

A mulher que diz que tomou a decisão de não querer mais que o seu casamento seja restaurado, e que TEM o coração correto, geralmente se sente mal. Elas afirmam que quem elas realmente querem e precisam é somente o Senhor. Erin afirma que foi dessa forma que ela se sentiu. Ela podia sentir que a sua restauração estava perto, e ela então disse que começou a conversar com o Senhor sobre isso, “Por favor, não vamos estragar o que está tão bom, vamos ficar somente eu e Você. Por favor.”

Mas nós ainda ficamos surpresas pela forma como algumas mulheres demonstram seus sentimentos, dizendo que elas não querem mais a restauração e afirmam — que é por isso que elas estão deixando o RMIEW, o que não faz o menor sentido. Quando você se sentir dessa forma, e tiver o coração correto, será quando o Senhor poderá restaurar o seu casamento ou usá-la para ajudar outras pessoas. 

Então essa afirmação que elas fazem, dizendo que essa é a razão de estarem deixando o ministério, revela um coração amargurado ou que, infelizmente, ainda não tem o AMOR que nós tentamos ajudar cada uma a encontrar.

Até mesmo o Apóstolo Paulo falou sobre uma razão altamente benéfica para encorajar os outros a permanecerem sem se casar:

1 Coríntios 7:7-16 A Mensagem—

Às vezes, penso que seria melhor que todos fossem solteiros, como eu — uma vida mais simples em muitos sentidos Mas, o celibato não é para todos, assim como o casamento também não. Deus dá a alguns o dom de ser solteiro e a outros o dom de ser casado.

Entretanto, digo aos solteiros e viúvos que não estar casado talvez seja o melhor para eles, como tem sido para mim. Mas, se não conseguirem conter seus desejos e emoções, devem se casar. As dificuldades do casamento são, de longe, preferíveis à vida do solteiro sexualmente tentado.

Se você está casado, continue casado. Ordem do Senhor, não minha. Se a esposa abandonar o marido, ela deve permanecer solteira ou então voltar atrás e se acertar com ele. E o marido não tem o direito de se livrar da esposa.

Para os casamentos mistos — cristão casado com não cristão —, não temos mandamento explícito da parte do Senhor. Mas vocês devem fazer o seguinte: se você é um homem casado com uma mulher que não é cristã, mas que, mesmo assim, deseja viver com você, continue com ela. Se você é uma mulher casada com um homem que não é cristão, mas que deseja viver com você, continue com ele. O marido descrente participa, em certa medida, da santidade da esposa, e a esposa descrente, de igual maneira, participa da santidade do marido. De outro modo, os filhos seriam deixados de fora, mas eles também estão incluídos nos propósitos espirituais de Deus.

No entanto, se o cônjuge descrente vai embora, deixe que vá. Não seja desesperadamente dependente. Deus nos chamou para viver bem, da maneira mais pacífica possível. Você, esposa, não tem como saber se o seu modo de agir pode trazer seu marido de volta não apenas para você, mas para Deus. Marido, você não tem como saber se o seu modo de agir pode trazer sua esposa de volta não apenas para você, mas para Deus.”

Ele continua e diz em 1 Coríntios 7:34-35 A Mensagem—

Quem não é casado está livre para se dedicar unicamente ao Senhor. O casamento envolve a pessoa nos  emaranhados da vida doméstica e na necessidade de agradar o cônjuge. Essas demandas exigem quase toda a atenção. O tempo e a energia que os casados gastam no cuidado mútuo podem ser utilizados para Deus por quem não é casado. Estou tentando facilitar as coisas,  não torná-las mais difíceis. Tudo que desejo é que vocês sejam capazes de desenvolver um modo de vida no qual possam se dedicar ao Senhor sem distrações.”

O ponto principal é esse: quando você tiver chegado a esse ponto em sua jornada da restauração, você não será mais a mesma mulher que começou essa caminhada. O seu coração terá experimentado o Senhor, e isso significa querer o que ELE quer para você.



“...E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará.” João 8:32

Agora é hora de CLICAR AQUI  e derramar o seu coração para o Senhor ao preencher o seu formulário “O que Eu Aprendi”.